Posted by : Gabi Trefzger janeiro 30, 2014

Olá, bruxinhos!

Já faz um tempinho que não posto a série vilões por aqui (especificamente, desde julho do ano passado), e resolvi continuar com a saga. Desta vez, é sobre o tirano que se tornou bonzinho! Este foi um arco "complicado" no Brasil, pois a Abril se atrasou muito nas publicações (com a irritante mania de dividir os capítulos em duas partes), e se viu forçada a lançar seis edições de uma vez só na edição especial "Witch Extra". Como é uma edição especial, não teve tanta repercussão quanto as outras, e foi/é mais difícil de se encontrar por aí. Então, para os novos leitores que não acompanharam "Crise entre dois mundos", ou ainda aqueles leitores mais esquecidos, vamos apresentar a vocês o personagem chamado Ari, o rei de Arkhanta!


Ari, o Rei

Ari era um jovem agricultor no mundo de Arkhanta. Um homem simples, que esforçava-se para lidar com as despesas. Sua esposa, Jamayeda , morreu ao dar à luz a seu filho, Maqui, que nasceu mudo. O menino era solitário, pois vivia sempre em seu próprio mundinho. Desde então, Ari procurou incessantemente uma maneira de livrar seu filho de sua aflição estranha, consultando os médicos mais sábios e estudiosos da terra... Mas nenhum poderia ajudar Maqui, pois a ciência não podia fazer nada por aquele menino perturbado.


Durante sua busca pela cura de seu filho, Ari ouviu histórias de que quem conseguisse capturar uma Banshee teria concedido três desejos em troca de sua liberdade. Ari pegou Yua, a mais poderosa das Banshees, mas, ainda assim, Yua não foi capaz de curar a doença de Maqui. Sua magia era estendida apenas aos desejos materiais, e vida e morte eram poderes além da sua capacidade. Devastado, Ari desejou a Fortaleza Escarlate, um enorme palácio que serviria como sua casa, e riqueza suficiente para satisfazer qualquer desejo terreno que seu filho poderia ter. Por fim, como último pedido, desejou a servidão eterna da Banshee, e ela não podia recusar. Assim, Yua tornou-se escrava de Ari. Com a ajuda de Yua, Ari logo tornou-se o rei de Arkhanta, fazendo o seu melhor para melhorar a vida do seu povo.

Outra vez, Ari fez um apelo para o Oráculo de Kandrakar para curar Maqui. O Oráculo, no entanto, argumentou que tal assunto não era de sua preocupação, uma vez que tivera pouco impacto no universo como um todo. Revoltado, Ari declarou guerra contra Kandrakar, esperando que o Oráculo iria reconsiderar o pedido. Com a ordem entre os mundos ameaçada, o Oráculo ordenou que as Guardiãs impedissem Ari a qualquer custo, uma vez que, como o próprio Oráculo disse, o poder de Yua e Ari poderia devastar Kandrakar!


No final, as Guardiãs, com ajuda de Orube, conseguem libertar Yua. Mas ela, como vingança pelo tempo que passou como prisioneira e escrava de Ari, sequestra Maqui, além de desfazer todos os desejos de Ari. Este, vendo o erro de seus pontos de vista, defende as garotas para ajudá -lo a resgatar Maqui . Eles conseguem encontrar Yua, mas, na confusão, Maqui cai de uma grande altura e fica gravemente ferido. As Witches conseguem salvar Maqui, transferindo para ele o dom da ninfa Xin Jing, um dom de cura herdado pelas Guardiãs. Um poder que não só cura Maqui mas também remove sua aflição, transformando-o em uma criança normal e feliz. Ari, agora cheio de felicidade por causa da recuperação de seu filho, torna-se uma pessoa melhor e um bom governante para Arkhanta .


Ari reaparece nos quadrinhos quando as Guardiãs visitam Arkhanta como mensageiras de Kandrakar. Ele e Maqui as cumprimentam na reconstruída Fortaleza Escarlate (a original foi criada com a magia de Yua e, obviamente, desapareceu quando a Banshee fugiu) e convidou as meninas para participar dos jogos populares de seu mundo. No final, ele e seu filho celebram com as Witches, apesar delas terem um desempenho catastrófico nos jogos.


Deixe sua dúvida ou sugestão :)

Alguma dúvida?
Deixe o seu comentário, todos eles serão lidos e respondidos.

Beijos Mágicos!

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

- Copyright © 2013 Witch Blog Oficial. - Ore no Imouto - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -